Bimboo

 

Previsão do Tempo

Dourados
+20°C
09/05/2012 06h50 - Atualizado em 09/05/2012 06h50

Lei de Penalidades na área de combustíveis deve sofrer alterações, diz diretora da ANP

 

A ampliação da abrangência da Lei de Penalidades, na área dos combustíveis, foi discutida nesta terça-feira (8) pela diretora-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Magda Chambriard, em encontro com o ministro de Minas e Energia, Edson Lobão, em Brasília.

Ela argumentou que a atual realidade do setor recomenda mudanças para as áreas de produção e revenda de combustíveis.

A agência quer também impor penalidade maior para casos de vazamentos na área de produção e outros transtornos que acontecem na comercialização.

"Quando a Lei de Penalidades foi elaborada, ela procurou visar mais a área de distribuição e revenda", disse Magda.

As multas, segundo a diretora, devem ocorrer de acordo com a capacidade econômica do infrator e chegam a R$ 5 milhões.

O movimento de produção previsto para os próximos dez anos, na exploração do pré-sal, assim como a produção e a comercialização do etanol, envolvem um quadro que, segundo Magda, justifica mudanças.

"O pequeno empresário hoje não difere do grande para efeito de penalização, o que não é justo", afirmou. (Agência Brasil)

Seja o primeiro a comentar!

Envie seu Comentário!

Restam caracteres. * Obrigatório
Digite as 2 palavras abaixo separadas por um espaço.
 

Expediente | Anunciar no site | Trabalhe Conosco | Contato

As notícias veiculadas nos blogs, colunas e artigos são de inteira responsabilidade dos autores.
Copyright © 2011 - DouradosAgora - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por: Lobo Tecnologia&Internet

logo-bimboo