Família de policial executado sofre atentado; irmão morre

20/03/2017 06h59

 
 Pistoleiros atiraram contra família
Foto: Rádio amambay570/Poranews Pistoleiros atiraram contra família
Foto: Rádio amambay570/Poranews

Ataque à família de policial executado mês passado, deixou dois feridos e um morto. O atentado aconteceu por volta das 20h30 de sábado, na cidade de Pedro Juan Caballero, que faz fronteira seca com Ponta Porã (MS).

De acordo com a polícia, pistoleiros chegaram num Fiat Stradda branco ao estabelecimento comercial da família, localizado na rua Paulino Ramirez entre Zenón Stefani Ortíz y Ramon Gill Sánchez no Bairro María Victoria e passaram a atirar.. Um dos tiros atingiu Jose Carlos Villalba Sanguina, de 23 anos, que foi socorrido e morreu logo depois que chegou ao Hospital Regional de Pedro Juan.

O casal Carlos Alberto Villalba, e Estela Sanguina de VIllalba, pais de José Carlos, foram atingidos pelos disparos e levados para uma clínica particular onde receberam os primeiros socorros. Eles não correm risco de morte.

De acordo com a polícia, José Carlos era irmão de um ex-policial da Policia Nacional, Juan Carlos Villalba Sobrinho que foi assassinado na cidade de Paranhos, fronteira com Ypehú no Paraguai.

A polícia incentiva denúncias, pelos telefones: Polícia Militar: 190; Polícia Rodoviária Federal: 191; SIG: 3411.8080; DOF: 3411.8080;Defron: 3410.4800; Polícia Federal: 3410.1700 e 3420.1757; Polícia Civil - 1º Distrito Policial: 3411.8060; Polícia Civil, 2º Distrito Policial: 3424.6911 e 3424.5633, Guarda Municipal: 199; Polícia Militar Ambiental (PMA): 3357-1500– 9905-7763 - vivo – WhatsApp/ 9106-8628 - Claro / 8171-4270 - (Tim)/ 8475-0553 (Oi)


Envie seu Comentário