31.4 C
Dourados
segunda-feira, 24 de janeiro de 2022

Exportação de açúcar em 2021 cai 11% em volume e receita cresce 4,76%

- Publicidade -

O Brasil exportou 27,305 milhões de toneladas de açúcares e melaços em 2021, 10,99% a menos do que os 30,676 milhões de toneladas embarcados em 2020. A receita do período ficou em US$ 9,176 bilhões, 4,76% a mais do que os US$ 8,759 bilhões de 2020. Os dados foram obtidos a partir da soma dos números da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério da Economia para dezembro com os do Agrostat para os demais meses. O Secex divulgou seu boletim para o mês passado nesta segunda-feira.

O volume no ano caiu em razão da safra menor de cana-de-açúcar no Centro-Sul no País. A quebra aconteceu por problemas com seca e estiagens nos canaviais. Já a receita subiu porque os preços globais do adoçante alcançaram patamares altos e o dólar se manteve valorizado ante o real.

Em dezembro, o País exportou 1,944 milhão de toneladas de açúcares e melaços, 32,53% a menos do que no mesmo mês de 2020, quando foram embarcados 2,881 milhões de toneladas, e recuo de 25,43% ante os 2,674 milhões de toneladas de novembro de 2021. A receita total obtida com a exportação do setor no mês passado foi de US$ 725,472 milhões, 15,78% a menos do que os US$ 861,410 milhões arrecadados em dezembro de 2020 e 21,57% a menos do que a receita de novembro do ano passado, de US$ 925,00 milhões.

O recuo na receita e no volume também se devem à quebra de safra brasileira. Em dezembro, o Centro-Sul está em entressafra, portanto o montante exportado tende a ser menor do que no período de moagem, que costuma ir de abril a outubro.

Fonte: Broadcast Agro

Veja também

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade-