10.1 C
Dourados
sexta-feira, 19 de agosto de 2022

Dourados se destaca também no heavy metal

- Publicidade -

A “cena musical” de Dourados possui um time talentoso, que não está sempre na mídia e que possui características muitos específicas e seguidas à risca pelos apreciadores do estilo musical: Os headbanger ou, como são mais conhecidos, “metaleiros”, uma rapaziada que gosta do heavy metal, tipo de rock de espírito agressivo, que explora batidas rítmicas pesadas e efeitos sonoros fortemente amplificados por meios eletrônicos. O Progresso conversou o empresário Marcio Mota, fã desse estilo e que criou um dos raros blogs dedicados exclusivamente à divulgação da atuação das bandas da cidade e de bandas de renome no cenário nacional e internacional.

Marcio Mota incluiu no nome de batismo “Doors”, em homenagem à banda norte americana que tinha Jim Morrison como ícone. Além do blog (o “Comando Metal Zine”) Marcio Mota Doors criou uma página no Facebook e um canal no youtube.

“Antes, entre 2007 e 2011, eu tinha um Fanzine impresso, criado com a intenção de divulgar o trabalho do pessoal, trocar experiencias e tal. A partir de 2012 essa ideia verteu para o Blog e Youtube, permanecendo com a mesma intenção:  divulgar as bandas da Região e do Brasil”, explicou Marcio, ressaltando que embora não figurem muito na mídia, Dourados tem, dentro do estilo Rock/Heavy Metal,  bandas de várias vertentes, como  Butekus Rock and Roll, Cinzano Blues, Serket de DeathCore, Capivaras Voadoras de Rock and Roll,  Fantasma de Stoner Metal , Old Cult de Black Metal, Tonelada (Thrash /Hardcore)  Totemtabu (Black Metal) e Exterminio, de Death Metal.

“Essas bandas já fizeram e fazem vários shows fora do Estado como, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Minas Gerais, Mato Grosso, São Paulo e Também Paraguay e Bolívia. A Misbehaviour, por exemplo, é uma banda com mais de 20 anos de estrada e vários shows no currículo”, elenca o empresário roqueiro. “Na região tem também o Atropelo Caos Metal, de Rio brilhante, a Escafandro (Death Metal), a Infexion (Thrash Metal), Trozator (Death Metal) na Froteira Ponta Porã / Pedro Juan Cabalero e a Zangra (Hardcore) de Itaporã. Todas as Bandas com músicas autorais, o que torna o trabalho diferenciado”, destaca.

Sobre sua ligação com o rock, Marcio Mota Doors conta que quando era pequeno gostava de Queen. “Mas contato mesmo com Heavy Metal foi com bandas mais pesadas como Sepultura, Black Sabbath, Ratos de Porão e Iron Maiden” esclarece, referindo-se às bandas admiradas por 10 entre 10 metaleiros.  

Sobre o blog, a pagina no Facebook e o canal no youtube Marcio acredita que essas mídias vem cumprindo sua finalidade: Os “metaleiros” interagem e, no caso das bandas locais e da região, se valem do canal para divulgar seus trabalhos, já que esse estilo não tem muito espaço nas mídias tradicionais.

Os “points” de encontro do pessoal são, dentre ouros, o Old School Rock, onde se reúnem para trocar ideias e onde também rola shows de vez em quando. Outro lugar e o Vibes Bar, no qual rola shows de todos estilos, inclusive Rock/Metal. O talento dos bateristas, guitarristas e vocalistas das bandas de heawy metal da cidade, somados ao pessoal do pop rock, sertanejo, violeiros, gospel e outros estilos, comprovam a tese de que a cidade tem som para todos os gostos. Como dizem entre sí o pessoal do heawy, “aumenta aí que é rock and roll!!”

Comentários do Facebook

Veja também

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade-