40.1 C
Dourados
quinta-feira, 29 de fevereiro de 2024

Um milhão de parabólicas digitais já foram instaladas gratuitamente no Brasil

- Publicidade -

Agência gov

Um milhão de kits de antena parabólica digital já foram distribuídos gratuitamente em todo o País. Os equipamentos estão disponíveis para famílias inscritas no CadÚnico residentes em municípios onde a faixa de frequência do 5G já foi liberada. Até agora, isso já ocorreu em 2.024 municípios, onde vivem mais de 70% da população brasileira.

“A televisão é entretenimento, cultura, informação e educação. O Ministério das Comunicações e a Anatel trabalham constantemente para que, mesmo com a limpeza da faixa do 5G e com a chegada de novas tecnologias, toda a população, sobretudo os mais pobres, continuem contando com o importante e tradicional acesso à programação da TV aberta”, afirma o ministro das Comunicações, Juscelino Filho.

A Entidade Administradora da Faixa de 3,5 GHz (EAF) estima que, até o fim de setembro, o número de antenas digitais distribuídas chegue a 1,1 milhão. Em coletiva de imprensa realizada na quarta-feira (13) na sede da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a EAF anunciou também o resultado de uma pesquisa com famílias do CadÚnico. O levantamento revela que, em todo o País, 5,5 milhões de famílias devem ser beneficiadas com as parabólicas gratuitas.

Saiba mais: Mais 212 municípios têm faixa de frequência do 5G liberada

POR QUE TROCAR A PARABÓLICA – Adquirir uma nova parabólica digital é fundamental para garantir o acesso contínuo à televisão após a ativação da tecnologia 5G. Em breve, as parabólicas tradicionais que operam na faixa de 3,5 GHz deixarão de funcionar para que o 5G seja implantado. O modelo antigo sofre com interferência do sinal 5G, já que os dois utilizam a mesma frequência.

O pedido deve ser feito pelo portal Siga Antenado (https://sigaantenado.com.br) ou pelo telefone 0800 729 2404. O kit gratuito é composto por uma parabólica digital, um receptor, um controle remoto com pilhas e os cabos necessários para conectar os equipamentos ao televisor. A instalação é feita por técnicos do Siga Antenado que vão até a residência dos beneficiários no dia agendado.

Por: Ministério das Comunicações

Veja também

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

Pixbet ou Betano: Onde Apostar?

- Publicidade-