Comissão aprova projeto que veda discriminação contra pessoas portadoras de hepatites virais

09/11/2018 14h07 - Por Agência Câmara Notícias


 
ichel Jesus/Câmara dos Deputados / Lançamento da frente. Dep. Zenaide Maia (PR - RN)
Zenaide Maia, relatora do projeto na Comissão de Seguridade Social, acredita que a discriminação agrava o quadro dos portadores de hepatite ichel Jesus/Câmara dos Deputados / Lançamento da frente. Dep. Zenaide Maia (PR - RN)
Zenaide Maia, relatora do projeto na Comissão de Seguridade Social, acredita que a discriminação agrava o quadro dos portadores de hepatite

A Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados aprovou projeto que proíbe a discriminação contra a pessoa portadora de hepatites virais (PL 7651/14).

A proposta da ex-deputada Maria Lúcia Prandi lista ações que considera discriminatórias; estabelece a condução dos casos por profissionais de saúde, inclusive de saúde ocupacional; proíbe o Poder Público de contratar ou firmar convênio com empresas, entidades ou instituições privadas com histórico de prática discriminatória.

A relatora, deputada Zenaide Maia (PR-RN), apresentou parecer favorável ao texto. Segundo ela, a discriminação a pessoas com doenças crônicas mantém-se como grave problema social.

"A pessoa com uma hepatite viral apresenta quadro clínico que já implica, por si só, ansiedade e grande sofrimento.

Quando a isso se somam os tormentos decorrentes de algum tipo de discriminação, o quadro tende a agravar-se.

É exatamente isso que esta propositura pretende evitar, proibindo toda e qualquer forma de discriminação", afirmou Maia.

Tramitação

O projeto tramita conclusivamente e será analisado pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.


Envie seu Comentário