Homem perde R$ 2,9 mil ao confundir travesti com mulher

Na delegacia, ele disse que achou que tinha abordado grupo de três mulheres; um dos travestis pegou o cartão e passou várias vezes na máquina

24/02/2019 08h06 - Por: Da redação


Um homem perdeu R$ 2.950 depois de dizer ter confundido um grupo de três travestis com mulheres. Ele denunciou o caso na delegacia de Dourados.

Conforme boletim de ocorrência, por volta da uma da madrugada deste sábado ele saiu de casa para comprar lanche e ao ver o grupo na esquina da Onofre Pereira de Matos com João Cândido Câmara, decidiu abordar.

Contabilista, contou que acreditava que seria um grupo de mulheres. Ao parar o carro, disse ainda que apenas perguntou o preço do programa, momento em que um dos travestis entrou no carro, pegou a chave e disse: "agora vai ter que pagar".

Que outro travesti também entrou no carro e falou: você vai ter que pagar de um jeito ou de outro. Que este segundo travesti mostrou uma máquina de cartão e falou: passa o cartão e digita a senha.

O travesti que ficou no banco traseiro, segundo ele, passou o cartão várias vezes e falava que não estava dando certo. Que na última vez que passou o cartão, os travestis saíram do carro.

O contabilista disse aos policiais que o travesti que pegou a chave estava com uma faca, era magro alto e troncudo, cabelo no ombro preto e com voz grossa. O segundo que estava com a máquina de cartão, tinha mais aparência de mulher era moreno, baixo e magro, tinha voz de mulher com cabelo na altura da orelha e preto.

Ao olhar o aplicativo do cartão de crédito constatou que foram feitos cinco pagamentos nos valores de: um de 50,00, outro de 1.000,00, outro de 800.00, outro de 900.00, e mais um de 200.00 reais. Que o total pago foi de 2.950,00.

Um outro cartão, segundo ele, também foi utilizado, porém não sabe o valor utilizado pelos travestis, pois o cartão foi bloqueado e não consegue ter acesso ao aplicativo deste cartão.


Envie seu Comentário