País deve ampliar produção de cacau em 50% em cinco anos

27/10/2018 16h11 - Por Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento


 
Além de cacau, tendência é de o Brasil ampliar exportação de chocolates orgânicos, gourmet e outros - Foto: Agência Brasil/Tomaz Silva Além de cacau, tendência é de o Brasil ampliar exportação de chocolates orgânicos, gourmet e outros - Foto: Agência Brasil/Tomaz Silva

Nos próximos cinco anos, o Brasil deve aumentar em 50% a produção de cacau. A estimativa é do ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi.

Ele participou do encontro anual da World Cocoa Foundation (WCF), na Fundação Mundial do Cacau, em São Paulo, onde também apontou que a safra anual deve chegar a 300 mil toneladas.

De acordo com Maggi, esse aumento está previsto no Plano de Expansão Sustentável da Produção. Na Amazônia, o crescimento médio tem sido de 10 mil hectares por ano em sistemas agroflorestais, incluindo a recuperação de áreas degradadas. A árvore é nativa desse bioma.

O governo brasileiro também tem participado de negociações para exportar 20% do cacau brasileiro com selo de qualidade diferenciado.

Atualmente, 12 países participam do grupo que podem vender o produto com essa qualificação. Com esse selo é possível comercializar o cacau a um preço melhor.

"Temos um grande mercado a conquistar com a venda de produtos com maior valor agregado", afirmou o ministro.

"O Brasil tem tendência à especialização em produção de chocolates orgânicos, chocolate gourmet, entre outros nichos de mercado que queremos e podemos alcançar", argumentou.


Envie seu Comentário