Veterinário é vítima de golpista que se passa por fazendeiro

Profissional acionado para fazer uma cirurgia num boi perdeu dinheiro e tempo a caminho de fazenda que nem existe em Rio Brilhante

11/10/2018 07h51 - DouradosAgora


Médico veterinário da região, chamado às pressas para fazer cirurgia num boi, foi lesado pelo golpista que se passou por fazendeiro. O profissional recebeu uma ligação, ontem, do homem que se apresentou como produtor rural e solicitou os serviços. O sujeito passou o endereço da propriedade rural em Rio Brilhante e disse que o bovino necessita da intervenção.

O suposto fazendeiro aproveitou para pedir um favor ao veterinário: que comprasse um remédio para uma funcionária gestante e depositasse R$ 30 de crédito no celular dele.

A caminho da fazenda, outra ligação. O 'contratante' disse que tinha ocorrido um problema com a caminhonete e pediu outro favor ao veterinário: que depositasse R$ 700,00 numa conta bancária, para quitar o reparo. Ele pagaria tudo, quando o profissional chegasse à fazenda.

Como não localizava a área rural, o veterinário ligou para o homem que confessou se tratar de um golpe. O veterinário procurou a Delegacia da Polícia Civil, onde registrou queixa. O caso será investigado.

Informações ou denúncias que possam ajudar o trabalho policial, devem ser repassadas pelos telefones: Polícia Militar: 190; Polícia Rodoviária Federal: 191; Polícia Militar Rodoviária Estadual (PMRE): 3421.0014; SIG: 3411.8080; DOF: 3411.8080; Defron: 3410.4800 e 3410.4800; Polícia Federal: 3410.1700 e 3420.1757; Polícia Civil - 1º Distrito Policial: 3411.8060; Polícia Civil, 2º Distrito Policial: 3424.6911 e 3424.5633; Guarda Municipal: 199; Polícia Militar Ambiental (PMA): 3357-1500– 9905-7763 - vivo – WhatsApp/ 9106-8628 - Claro / 8171-4270 - (Tim)/ 8475-0553 (Oi).