20/02/2012 13h34 - Atualizado em 20/02/2012 13h34

Tchakabum leva 25 mil pessoas ao Dourados Folia

 
 
Tchakabum faz 25 mil pessoas dançarem na segunda noite do Dourados Folia Tchakabum faz 25 mil pessoas dançarem na segunda noite do Dourados Folia

Pelo menos 25 mil pessoas cantaram e dançaram com o grupo carioca Tchakabum na noite deste domingo no segundo dia do Dourados Folia, no estacionamento do estádio Douradão. A festa teve início às 21h, com o DJ Pedrinho animando público que há mais de uma hora aguardava a abertura dos portões para a segunda noite do carnaval douradense.

Maior incentivador do retorno do Carnaval popular de Dourados, o prefeito Murilo permaneceu toda a noite de festa no local. Ele percorreu o espaço do Carnaval e os camarotes para cumprimentar os douradenses e dançou com os foliões.

Por volta de 22h, a banda douradense Contramão, que já havia animado a galera na primeira noite, entrou no palco agitando mais de 10 mil foliões que já se aglomeravam no espaço próximo ao palco principal.

O grupo douradense voltou a ser elogiado pelo público. O vendedor João Marcos de Souza, 29, que está de passagem pela cidade, elogiou a banda douradense: “Muito bom! Muito bom!”, repetia. “Nunca imaginei que fosse participar de um Carnaval com tanta gente assim e com tanta segurança e tranquilidade. Parabéns, Dourados”, disse o rapaz.

Até pouco depois da meia-noite, longas filas ainda ocupavam a Rua Coronel Ponciano e as vias que dão acesso ao Jardim Água Boa.

TCHAKABUM

Encerrada a participação da Banda Contramão, o DJ Pedrinho animou as 25 mil pessoas que já estavam na praça de eventos aguardando o principal show da noite.

Por volta de 1h20, o Tchakabum deu início à sua apresentação, cantando músicas de sucesso na carreira, como “Dança da mãozinha” e “Olha a onda”, levando a galera ao delírio, dançando sem parar por mais de duas horas.

Os irmãos Marcelo e Nem Menezes divertiram o público chamando para o palco grupos de mulheres e homens para dançar os ritmos da banda. Também cantaram músicas de outros artistas, inclusive uma versão em axé do hit mais ouvido no mundo atualmente: “ai, se eu te pego”.

Para o secretário municipal de Cultura, Carlos Fábio, mais uma vez a segurança precisa ser destacada. “Mesmo com um público recorde, nenhum incidente foi registrado. Assim cumprimos mais uma etapa da proposta do prefeito Murilo, de oferecer um Carnaval com alegria, segurança e muita tranquilidade para as famílias douradenses”, afirmou Carlos Fábio.

Envie seu Comentário