25.4 C
Dourados
segunda-feira, 4 de julho de 2022

Em sessão na madrugada, salário de prefeito, vice e secretários sobe 50% em Dourados

- Publicidade -

Há 17 anos reclamado por grande parte de servidores do Município, projeto que recompõe teto remuneratório teve votação favorável por 10 votos em sessão extraordinária realizada na madrugada desta terça-feira (14) na Câmara Municipal.

Por volta de 1h30 da manhã com o plenário ainda ocupado por representantes que organizaram a mobilização, projeto do Executivo foi aprovado, sob queixas do vereador Elias Ishy (PT), que queria o adiamento da discussão para abranger outras categorias que igualmente reclamam reposição de salários. O vereador Creusimar Barbosa (DEM) não participou da extraordinária da madrugada.

OS VOTOS

Votaram a favor da recomposição do teto: Mauricio Lemes, Daniel Junior, Daniela Hall, Marcão da Sepriva, Liandra da Saúde, Cemar Arnal, Jânio Miguel, Olavo Sul, Sergio Nogueira e Diogo Castilho. Votaram contra: Marcelo Mourão, Fabio Luis, Elias Ishy, Juscelino Cabral, Lia Nogueira, Rogério Yuri [depois justificou afirmando que era favorável] e Márcio Pudim.

O salário pago ao prefeito Alan Guedes passa de R$ 13.804,56 para R$ 21.900,00 a partir de janeiro, do vice-prefeito Guto Moreira sobe de R$ 9.663,15 para R$ 15.900,00 e dos secretários de R$ 9.663,15 para R$ 13.900,00.

Por maioria apertada, foi aprovado o Orçamento do Município para o ano que vem, superior a R$ 1,3 bilhão, rejeitando a maioria das emendas a pedido do prefeito Alan Guedes. 

Comentários do Facebook

Veja também

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade-