25.4 C
Dourados
segunda-feira, 4 de julho de 2022

Projeto “Magia da Leitura” estimula habilidades e cultura de paz em Dourados

- Publicidade -

Projeto “Magia da Leitura” estimula habilidades e cultura de paz em Dourados

Ao todo, 90 alunos recebem aulas gratuitas e orientações que contribuem para o desenvolvimento pessoal e aprimoramento das habilidades da oralidade e escrita

21/08/2018 07h03 – Por: Valéria Araújo

Contribuir para a construção de uma sociedade pacífica baseada no humanismo, por meio da promoção de ações conscientes que desenvolvam o potencial inerente de todo ser humano. Essa é a missão do projeto “Magia da Leitura”, do Departamento Educacional da Associação Brasil Soka Gakkai Internacional (BSGI). Em Dourados, organização, que começou em 2005 com aulas de alfabetização de jovens e adultos, atende atualmente 90 alunos na educação continuada, através do projeto Academia Magia da Leitura.

A Soka Gakkai é uma organização budista composta por doze milhões de pessoas no mundo inteiro. Tendo como base o ensino do Sutra do Lótus, vem atuando em prol da paz, cultura e educação por todo o mundo, sob a literança do Dr. Daisaku Ikeda. Em Dourados representada pela Região Metropolitana, que envolve todos os municípios do Sul do Estado, incluindo Glória de Dourados, Nova Andradina, Naviraí, Rio Brilhante/Nova Alvorada, entre outros, com pólos constituídos.

A vice-coordenadora pedagógica do projeto, Academia Magia da Leitura em Dourados, Angela Maria Plotzki explica que as atividades contribuem para o aprimoramento das habilidades da oralidade, leitura e escrita. Também conecta as pessoas sobre diversos assuntos do cotidiano e a reflexão sobre os mais variados temas. Os professores e colaboradores são voluntários.

Segundo Angela, um dos maiores desafios da Educação de Jovens e adultos (EJA) no Brasil e no mundo é o enfrentamento da evasão e do abandono escolar. Porém, nos pólos educacionais para alfabetização de jovens e adultos do projeto, a situação era diferente: os estudantes mesmo depois de formados não conseguiam dar sequência em seus estudos nas escolas oficiais da rede pública e particular e invariavelmente voltavam aos pólos pedindo para continuar as atividades do projeto.

Conforme ainda a vice-coordenadora, as Salas Magia da Leitura surgiram deste desejo dos “ex-alunos” em aprimorar as capacidades leitoras com a supervisão do projeto. “Nascemos literalmente como uma necessidade de pós-letramento, e hoje, passados oito anos, oferecemos atendimento para alunos de todos os níveis de formação, até mesmo, profissionais com pós doutorado”, destaca.

A iniciativa de formalizar o projeto Sala Magia da Leitura partiu da então responsável pela coordenadoria educacional (gestão 2006-2014)da BSGI, Lúcia Ogawa Takano. Em entrevista à revista Terceira Civilização ela enfatizou a importância da leitura. “É por meio da leitura de grandes autores que desenvolvemos uma visão ampla e correta da vida. Tsunesaburo Makiguchi, Josei Toda e Daisaku Ikeda, os três grandes mestres da Soka Gakkai, receberam considerável influência de muitos sábios da literatura e da filosofia. Enfim, a leitura ajuda a polir o nosso caráter, a nossa personalidade, contribui para lapidar o coração e para tornar pessoas melhores, que possam pensar no bem da humanidade.”

No início, a Sala Magia da leitura buscava apoiar o desenvolvimento dos líderes de bloco. Hoje está aberta para todos os interessados inclusive convidados não budistas. A organização conta com o apoio da UFGD, com a inclusão do Projeto Academia Magia da Leitura (AML) dentro do Projeto da PROGESP/UFGD disponibilizando seis estagiários para apoiar, cada um em sua área, a AML.

Serviço

A sede em Dourados fica localizada na Rua Toshinobu Katayama 1.414. O telefone para mais informações é: 99991 0225 (Angela Maria

Projeto “Magia da Leitura” estimula habilidades e cultura de paz em Dourados

Comentários do Facebook

Veja também

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade-