13.4 C
Dourados
terça-feira, 9 de agosto de 2022

Gerenciador de senhas: o que é e por que você deveria usar

- Publicidade -

Quem navega na internet com frequência sabe o quanto é necessário usar senhas em sites e aplicações. Por motivos de segurança, os usuários precisam ter acessos personalizados e, por isso, devem fornecer um código assim que entram.

O grande problema é que as regras de formulação nunca são as mesmas. Há sites em que o código deve conter letras, números e caracteres especiais em uma sequência de oito dígitos. Em outros, o tamanho solicitado para a senha deve ser de seis caracteres. Dessa forma, não é possível usar apenas um código para todos os locais, sem contar que não é uma prática segura.

Uma pessoa mal intencionada, por exemplo, pode descobrir a senha de um e-mail e conseguir entrar nas redes sociais, onde encontrará informações que a levará a dados pessoais, como os bancários. Então, se de um lado as senhas robustas são a solução, por outro, elas podem ser um incômodo por serem difíceis de serem guardadas. A boa notícia é que  solução para isso já existe e atende pelo nome de gerenciador de senhas.

O que é um gerenciador de senhas?

Como o próprio nome sugere, um gerenciador de senhas é um recurso que permite armazenar os dados de login. Dessa forma, não é necessário decorar ou anotar os códigos de acesso em um local não seguro. As aplicações auxiliam todos.

Para entender melhor, basta pensar na analogia de uma chave. Caso todos tivessem a mesma chave para entrar em casa, não seria seguro. Afinal, a chave de um indivíduo abriria o apartamento de outro e assim por diante.

Agora imagine que uma pessoa tenha cinco imóveis e, portanto, precise abrir cinco fechaduras diferentes. Em vez de carregar um chaveiro cheio, ela poderia contar com algum recurso para pegar apenas a chave de que precisa assim que chegasse em casa, certo?

No mundo virtual, isso é possível. Existem aplicações que reconhecem os usuários e, por esse motivo, ajudam no ingresso. Ou seja, se um usuário tentar entrar no site de outro computador, ele precisará saber a senha. Porém, caso use o mesmo aparelho, terá o acesso facilitado!

Por que é importante usar o gerenciador de senhas?

Os gerenciadores de senhas foram desenvolvidos para melhorar a experiência dos usuários. Afinal, decorar o tempo todo dos códigos não é tarefa simples, ainda mais atualmente em que é necessário ter tantas informações na cabeça.

Para evitar perder o acesso, 65% dos internautas usam as mesmas senhas na internet, de acordo com esta pesquisa do relatório global Psicologia das Senhas do LastPass. Mesmo sabendo dos perigos de ter qualquer código nos sites e aplicações, as pessoas preferem a comodidade de se lembrarem do que optar por uma solução mais segura. Aliás, esse foi um dos motivos que levaram os sistemas a recusarem senhas de números sequenciais ou de códigos formados apenas por alfanuméricos. Até então, boa parte dos usuários usava “12356”, por exemplo.

Com os avanços da tecnologia, recursos robustos puderam ser criados para facilitar o dia a dia das pessoas, sem prejudicar a segurança. Nesse sentido, os gerenciadores de senhas se destacam. Ao mesmo tempo em que facilitam o acesso das pessoas, ele mantém os dados protegidos, porque usa criptografia.

Para utilizar uma ferramenta assim, é bastante simples. O primeiro passo é encontrar o recurso ideal. Para quem usa o browser do Google, por exemplo, vale a pena adotar um gerenciador de senhas para o Chrome.  Você também pode usar um programa separado para proteger toda a sua senha.

Depois, o recurso irá solicitar a criação de uma senha mestra. Ela precisa ser forte e ser memorizada. Em seguida, é só permitir que o gerenciador guarde os dados e pronto. Mesmo que os códigos para entrar nas redes sociais, e-mails e aplicações sejam muito diferentes – e é importante que sejam – o gerenciador facilitará o acesso a eles e, consequentemente, à entrada nos sistemas que desejar.

A segurança cibernética é um tema delicado e que requer atenção, pois boa parte de crimes são cometidos nesse ambiente. Além de ter senhas fortes, contar com um gerenciador, que evita a memorização de vários códigos, e criptografa os dados, pode ser a solução para manter a proteção on-line.

Comentários do Facebook

Veja também

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade-