Hospital de Dourados faz mutirão de cirurgia de cataratas, pterígio e consultas

Estão previstos 205 consultas e procedimentos oftalmológicos. Município também receberá Caravana Indígena

22/11/2018 07h01 - Por: Valéria Araújo


 
Caravana da Saúde também é estratégia do Estado para desafogar filas de espera
A Frota Caravana da Saúde também é estratégia do Estado para desafogar filas de espera
A Frota

Começa hoje e vai até domingo o mutirão de oftalmologia do Hospital de Cirurgias Eletivas da Grande Dourados. Estão previstos 205 atendimentos, sendo 105 consultas e 100 cirurgias de cataratas (80) e pterígio (20). O Grupo de Apoio à Medicina Preventiva e à Saúde Pública (GAMP), organização que administra o Hospital, informou que os mutirões têm o objetivo de diminuir a fila de espera por procedimentos nesta especialidade.

"O planejamento, feito de acordo com o que foi estabelecido junto à secretaria estadual de saúde, prevê um atendimento mensal de 100 pacientes que necessitam de assistência oftalmológica. Nosso objetivo maior é oferecer atendimento a todos", destaca o diretor operacional da organização, Eduardo Gonçalves. De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde, a medida faz parte da estratégia de regionalização na Saúde Pública, com a construção de novos hospitais, conclusão de estruturas que estão em andamento, além de investimentos em equipamentos e novos serviços para os municípios do interior do Estado. No caso de Dourados, o Estado garantiu a ativação do Hospital de Cirurgias Eletivas que está em pleno funcionamento e a construção do Hospital Regional, cujas obras estão em andamento. A medida tem o objetivo de descentralizar os atendimentos.

Também faz parte dessa estratégia desafogar as filas de espera e, para isso, a Caravana da Saúde tem percorrido os municípios de MS, com mutirões de atendimento. Entre 2015 e 2018 foram realizadas 67 mil cirurgias, sendo 47 mil de oftalmologia. Na edição da Caravana da Saúde em Dourados foram feitas 4 mil cirurgias de oftalmologia, 40 mil atendimentos e 12 mil consultas em especialidades médicas.

Caravana em Dourados

O município de Dourados vai receber a Caravana Indígena da Saúde do Governo do Estado nos próximos meses. Também está previsto que instituições de ensino municipais e estaduais de Dourados recebam a edição da Caravana da Saúde nas Escolas, examinando alunos entre a quarta série e sétima série.

Entre as consultas oferecidas na Caravana Indígena estão: cardiologia, dermatologia, endocrinologia, ginecologia, neurologia, neuropediatria, oftalmologia, ortopedia, otorrino, odontologia, psiquiatria, urologia e psicologia.

A comunidade indígena têm acesso ainda a exames de eletrocardiograma, eletroencefalograma, PSA (câncer de próstata), preventivo (papanicolau), mamografia, ultrassonografia, câncer de pele e prevenção ao câncer bucal. Serviços como reconhecimento de União Estável, Emissão de 1° Via de RG e CPF também estão disponíveis. Há ainda atividades culturais e de entretenimento. As datas estão sendo discutidas com a Prefeitura de Dourados.

Ao todo, a Caravana da Saúde já realizou 850 mil procedimentos em todo o Estado, sendo 67 mil cirurgias, mais de 100 mil consultas, 34 mil exames, atendendo a mais de 250 mil pessoas em 11 microrregiões do Estado.



Envie seu Comentário