Na madrugada desta terça-feira (12), o policial militar refomrado Ronnie Lessa, de 48 anos, foi preso junto com outro policial militar, Élcio Vieira de Queiroz, de 46 anos. A operação policial responsável pela prisão de ambos, chamada operação buraco de Lume, foi realizada pela Divisão de Homícidios da Polícia Civil do Rio e por promotores do Ministério Público.

A divisão policial afrma que eles são os responsáveis pelo assassinato de Marielle Franco e de seu motorista Anderson Gomes.

Lessa seria o responsável por disparar a arma enquanto Queiroz seria o motorista do Cobalt que perseguiu a vereadora. A investigação foi realizada durane 3 meses, a operação policial está fazendo apreensão de documentos, celulares, computadores e armas dos suspeitos.

Evidentemente Marielle foi assasinada por defender as causas políticas que defendia. ''Coincidentemente'', Ronnie mora no mesmo condomínio que Jair Bolsonaro tem um apartamento, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio.

Título

Subtítulo

Título

Subtítulo

12/03/2019 09h33 - Por: Weimar Torres

12/03/2019 09h33 - Por: Weimar Torres

12/03/2019 09h33 - Por: Weimar Torres




INSIRA O TEXTO DA MATERIA AQUI

INSIRA O TEXTO DA MATERIA AQUI

INSIRA O TEXTO DA MATERIA AQUI




Envie seu Comentário

Envie seu Comentário

Envie seu Comentário