CCZ vistoria imóveis e 21 são notificados pela lei da dengue

Por: Da redação - 11/01/2017 15h18

 
CCZ vistoria imóveis
Foto: Arquivo CCZ vistoria imóveis
Foto: Arquivo

Uma ação para o controle do mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Febre Chikungunya e Zika Vírus, foi deflagrada pela Prefeitura de Dourados através do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), na região dos bairros Altos da Monte Alegre, parte da Vila Maxwell e parte da Vila Índio.

Segundo o CCZ, foram encontrados sete focos e notificados 21 imóveis em situação crítica, os quais não estavam de acordo com o previsto na Lei Municipal nº 3965 de 11 de fevereiro de 2016.

Os trabalhos tiveram ainda o combate a demais vetores e zoonoses presentes e possíveis no município. Os agentes orientaram a população sobre a importância do comprometimento de cada um em manter limpos os imóveis para que não haja depósitos propícios para proliferação de vetores de doenças.

Os trabalhos do mutirão baseado nos índices obtidos no Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa) aconteceram em dois períodos, com a participação de 26 agentes de endemias, os quais realizaram a inspeção de 759 imóveis, orientando, eliminando e tratando os focos e possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti.

Em resumo, foram trabalhados 759 imóveis. Pelo menos 195 estavam fechados e 954 foram informados.

Envie seu Comentário