Douradense perde R$ 1,7 mil no golpe do falso parente

12/10/2017 09h11 - DouradosAgora

Mais um douradense foi vítima de golpistas que vêm tirando dinheiro da população com os mais diversos artifícios. Conforme informações repassadas pela polícia, ao DouradosAgora, o rapaz de 21 anos recebeu uma ligação de pessoa que se passou por um parente distante.

O estelionato ocorreu por volta das 11h30 desta quarta-feira, 11 de outubro, feriado da Divisão do Estado.

O sujeito, do outro lado da linha, disse que estava a caminho de Dourados, tinha comprado um carro e que precisa de conserto. Pediu emprestado R$ 1,7 mil, que o trabalhador douradense depositou em uma conta bancária.

Quando verificou que se tratava de um golpe, registrou queixa junto à Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) de Dourados.

A polícia alerta para uma série de golpes que vem estorquindo a população. Tem o golpe do falso mecânico, do primo, do sequestro, do bilhete premiado, do prêmio, entre outros.

Em Dourados, dezenas de pessoas de todas as classes econômicas perderam grandes somas que vão desde R$ 1,5 mil até R$ 60 mil em golpes que muitas vezes são praticados de dentro dos presídios.

A orientação é não aceitar chamadas de números desconhecidos nem, tampouco, fazer qualquer depósito sem antes verificar a autenticidade das informações.

Informações ou denúncias que possam ajudar o trabalho policial, devem ser repassadas pelos telefones: Polícia Militar: 190; Polícia Rodoviária Federal: 191; SIG: 3411.8080; DOF: 3411.8080; Defron: 3410.4800; Polícia Federal: 3410.1700 e 3420.1757; Polícia Civil - 1º Distrito Policial: 3411.8060; Polícia Civil, 2º Distrito Policial: 3424.6911 e 3424.5633, Guarda Municipal: 199; Polícia Militar Ambiental (PMA): 3357-1500– 9905-7763 - vivo – WhatsApp/ 9106-8628 - Claro / 8171-4270 - (Tim)/ 8475-0553 (Oi).

 

Envie seu Comentário