32.9 C
Dourados
quinta-feira, 20 de janeiro de 2022

Polícia Civil prende responsáveis por roubo seguido de morte

- Publicidade -

A Polícia Civil prendeu dois homens em Campo Grande. Eles são suspeitos de terem sido os responsáveis pelo roubo seguido de morte, que vitimou Eduil dos Santos Pereira, 50 anos, em março do ano passado. As prisões foram efetivadas por uma equipe da Delegacia Especializada na Repressão dos crimes de Roubos e Furtos (DERF).

De acordo com o boletim de ocorrência, em 05/03/2021, Eduil foi encontrado morto dentro de sua residência, na Avenida Presidente Ernesto Geisel, no Bairro Guanandi, em Campo Grande. Os indícios colhidos na cena do crime indicavam que Eduil teria sido alvo de roubo e que os assaltantes teriam o agredido até a morte. Após as agressões os criminosos deixaram o local levando uma bicicleta, um aparelho celular e pequena quantia em dinheiro.

Imediatamente, após receber a notícia dos fatos, a Polícia Civil, através da DERF, iniciou trabalho investigativo, com o objetivo de identificar os envolvidos no crime. Fortes indícios revelaram que os autores do crime foram I.J.S.A. e T.B.B.S.

Após exaustivo trabalho de campo I.J.S.A. foi localizado, indiciado, interrogado e preso pela DERF. Durante interrogatório confessou participação no crime, confirmando ter agido na companhia de T.B.B.S.

Acontece que depois do crime, o segundo autor não tinha sido mais visto na região, o que levou a crer que ele pudesse ter saído da cidade, o que de fato aconteceu. T.B.B.S. acabou sendo preso no assentamento Itamaraty, em Ponta Porã, pela DERF.    

Os dois suspeitos continuam presos e irão responder por roubo qualificado pelo resultado morte, cuja pena pode chegar a trinta anos de reclusão.

Veja também

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -
- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade-