Dourados sedia em março o encontro 'Triciclista do sul'

12/02/2019 09h30 - Por: Flávio Verão


Flávio tem um triciclo que tem acoplado uma Flávio tem um triciclo que tem acoplado uma "capsula" que serve de hotel e bagageiro

Pela primeira vez a cidade de Dourados vai sediar um encontro de triciclistas. Trata-se da 12ª Reunião da Irmandade Triciclista do Sul (ITS), evento que vai reunir amantes das três rodas dos estados de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, São Paulo, Minas Gerais, Goiás e do país vizinho Paraguai.

O evento será realizado nos dias 2 e 3 de março na Chácara São Domingos, no bairro João Paulo II, e consistirá numa espécie de confraternização. Estão sendo esperados mais de 60 triciclistas.

Flávio Fernandes da Rosa é adepto da modalidade. Assim como muitos, ele começou na motocicleta e depois de muito tempo migrou para o triciclo, para viajar com segurança sem perder a sensação de liberdade e de aventura.

Com as três rodas, ele destaca que a estabilidade e a segurança se sobressaem em comparação com uma motocicleta. "Gosto muito de moto, mas para viajar o triciclo é mais seguro, confortável e você consegue carregar mais bagagem", descreve Flávio, que é diretor da União dos Triciclistas do Brasil no MS e membro do ITS.

Em cima de um triciclo com motor de fusca, Flávio e a esposa Madalena já percorreram as regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. No triciclo é acoplado uma carretinha que ele chama de capsula, local onde o casal dorme e coloca bagagens essenciais para a aventura em três rodas.

Muitos dos adeptos são pessoas aposentadas. Flávio estima que esse seja o perfil de pelo menos 80%. Em Dourados há atualmente cerca de 15 triciclistas e no Estado cerca de 60.


Envie seu Comentário